Monthly Archives: Junho 2011

Ensinar fotografia na Mina do Lousal

Ensinar é um prazer. E uma responsabilidade imensa.

Cada curso é um  teste à capacidade de adaptar os conhecimentos e as experiências às necessidades e anseios de cada participante.

O último workshop de fotografia foi no dia 18 de Junho, na Mina do Lousal, em Grândola.

A dificuldade foi prender os participantes durante as duas horas de formação teórica, tal é o atractivo deste lugar. O resultado foi um conjunto de fotografias que me parece reflectir a personalidade de cada um. Todos se empenharam a fotografar e na escolha para o portfolio, que pode ser visto no blog dos cursos.

Mas não menos importante que os resultados foi o ambiente de boa disposição e camaradagem. Um dia realmente bem passado. Obrigado a todos.

Entretanto, entre conselhos sobre os enquadramentos, a técnica mais adequada ou a leitura visual do espaço fui fazendo também algumas fotografias.

Workshop de fotografia na Mina do Lousal - Gândola

Mostro aqui uma selecção das que mostram o ex-libris da Mina: a grande torre de ferro.

Optei pelo preto-e-branco para realçar o dramatismo das formas limpas e rectas e minimizar as distracções com as cores fortes do céu e da estrutura. Um exercicio de pós-producção que ajuda a ler o ambiemte do lugar e mostra como o acto de fotografar só acaba quando se publicam os trabalhos, às vezes muito tempo depois do click decisivo.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios
Com as etiquetas , , , , , ,

MINIMAL Um livro de fotografia

MINIMAL é um pequeno livro de fotografia.

Página a página este album leva-nos numa viagem pelas coisas simples do dia-a-dia.

Foi produzido a partir de uma compilação de fotos disponíveis para venda no Banco de Imagens.

Bom para oferecer a si mesmo ou a quem gosta de fotografia, com capa mole ou dura, pode encomendar o seu exemplar directamente na Blurb.

Com as etiquetas , , , , , , , ,

Documentário “As Cores do Alentejo”

Foi-me lançado o desafio e aceitei fazer um documentário em video, a sério.

A investigadora Milene Gil, conservadora-restauradora, escolheu como tema para a sua tese de doutoramento as “Cores do Alentejo”, um mergulho profundo na história, nos pigmentos e nas técnicas utilizadas na pintura tradicional das fachadas alentejanas.

Numa viagem longa mas saborosa, entrevistou populares e especialistas, registou as cores , visitou minas e taludes de estradas, recolheu amostras, analisou-as em parceria com vários laboratórios de isntituições portuguesas e estrangeiras. Leu e escreveu muito. E passou com distinção.

cores-do-alentejo-documentario-video

Este video é sobre este trabalho imenso.

A versão aqui apresentada é um “director’s cut”, reduzida para metade, aliviada das questões mais técnicas da investigação. Ainda assim tem 30 minutos.

Relaxe um pouco veja como evoluiram as Cores do Alentejo, numa viagem entre a ciência e a tradição.

Milene Gil trabalha actualment no Centro Hércules da Universidade de Évora, num projecto de pós-doc sobre as pinturas murais de igrejas abandonadas do Alentejo.

Com as etiquetas , , , , , , , ,
%d bloggers like this: